Digitalização

O processo de digitalização engloba a conversão de documentos em papel físico, foto, microfilme, microficha, jaqueta ou cartão janela para uma imagem digital através de um scanner. Esta tecnologia possibilita o armazenamento de grandes volumes de documentos em algum meio magnético, digital, óptico, etc., usualmente CD-R ou DVD-R.

Os serviços de digitalização podem ser executados por meio de nossos parceiros onde o cliente envia seus documentos ou é feito nas instalações do cliente. Montamos um birô, fornecendo equipamentos e mão-de-obra especializada para a realização dos serviços.

No processo de digitalização são desenvolvidas as seguintes atividades:

marcador Preparação: os documentos passam por um processo para os tornarem aptos a digitalização. Esta tarefa engloba atividades como retirada de todos os clipes, grampos, ou qualquer elemento que prejudique o acesso do documento ao scanner.

marcador Digitalização: esta é a etapa de colocar o documento no scanner e a partir daí gerar a imagem digital, disponibilizando-a para uma posterior pesquisa, de forma rápida e objetiva.

marcador Indexação: o documento que foi digitalizado ganha uma identidade, para possibilitar que o acesso a este documento seja rápido e preciso.

marcador Controle de Qualidade: todas as imagens geradas a partir do processo de digitalização são revisadas, a fim de se verificar se as mesmas estão de acordo com as especificações técnicas determinadas pelo projeto.

Todo o trabalho realizado é gravado em algum meio magnético ou óptico, ficando disponível para consulta e impressão. Hoje o meio de armazenamento mais utilizado é o CD-R ou DVD-R, pelo seu baixo custo, por sua rapidez de acesso à informação, pela sua capacidade de armazenamento e por manter a integridade dos dados por um tempo incomparável a qualquer outro meio magnético.

Ainda no processo de digitalização, podemos utilizar várias tecnologias de indexação de documentos, tecnologias estas como:

tick OCR (Optical Character Recognition) – reconhecimento de caracteres impressos;
tick ICR (Intelligent Character Recognition) – reconhecimento de caracteres manuscritos, muito utilizado para formulários pré-impressões;
tick OMR (Optical Mark Recognition) – reconhecimento de marcas (por exemplo: uma prova de vestibular com alternativas);
tick Barcode (Código de Barras) – permite converter informações contidas em um código de barras. Com isso a leitura se torna muito mais precisa;
tick Digitação – entrada manual de dados.

 

marcador Veja também:

bt_home_digitacao1Digitalizaçãobt_home_atualiza_dados_telefone1